Conversas conscientes

20-08-2020

A conversar é que nos entendemos.

É um facto inegável, o ser humano usa muitas linguagens, mas existe uma que é "rainha", a linguagem verbal, a conversa.

Quando existe um conflito entre pessoas, sejam duas ou um grupo, a forma mais simples de a solucionar é através da comunicação, e através dela pode-se encontrar muitos consensos para seguir em frente e evoluirmos.

Um bom exemplo são os casais, é muito comum discutirem, então o que acontece são 3 erros, no falar, ouvir e interrupção, e em todos são muito selectivos, isto porque não se ouvem realmente, falam sem medir o que dizem e para agravar sobrepõem-se ao ponto de criarem cacofonia. Se não houver um bom mediador, deverá haver o bem senso de discutir para entendimento, enquanto um fala o outro ouve, assim sucessivamente e sem sobreposições.

Nas últimas décadas a sociedade tem encontrado alguns entraves para se comunicar de forma equilibrada e até saudável, seja devido à intolerância e choque de egos, sejam as tecnologias e a multiplicidade de estímulos que vieram invadir-nos. Bom, invadir sim, mas como em tudo, devemos usar o bem senso de colocar "barreiras" e começar a restituir o bem estar comunicacional, mas para isso temos que usar algo que nos dê a atenção para duas questões, falar e ouvir!

Como mencionei antes, hoje é por vezes difícil mantermos o foco em algo durante o tempo que for necessário a fim de conseguir dar valor correto. 

Questão: Quando foi a última vez que deste atenção total a alguém que conversava contigo?

De certeza que muitos de vós vão ficar a pensar durante um pouco até encontrarem esse momento. Assim, começamos a dar conta de que temos perdido imensas oportunidades para entendermo-nos mutuamente.

De uma perspectiva profissional, se não prestarmos atenção plena, podemos estar a perder informações cruciais, até para a nossa própria evolução, seja no ambiente de trabalho, seja dos nossos colegas de trabalho. 

Então como mudar isso? 

É aqui que sugiro a "Conversa Consciente".

O objetivo é dares total atenção à/as pessoa/s com quem conversas. Muitas vezes estamos a escutar o outro e ao mesmo tempo estamos a tentar encontrar palavras para responder, e é aí que entra a técnica, não te preocupes em responder, mas sim em ouvir plenamente. Ao mesmo tempo passas a perceber realmente a mensagem, assim como o outro nota que está a ser ouvido e tudo se equilibra, é como se mais de metade da mensagem fosse automáticamente compreendida.  


 A Conversa Consciente é uma ferramenta muito poderosa e útil para incrementar a qualidade das reações de todos os que a utilizam.

E lembra-te, uma boa conversa inclui 2 componentes fulcrais, falar e ouvir, mas plenamente!